Sign In
<img alt="" src="http://sp.pgadvogados.com.br/PublishingImages/Noticias/noticias.jpg" width="3844" style="BORDER: 0px solid; ">

Notícias

Como a tecnologia invadiu o processo de mediação

Como a tecnologia invadiu o processo de mediação

Não é novidade, que a sociedade está sempre procurando maneiras para facilitar a vida de todos, em diversos os âmbitos.

 

E a Mediação é um fruto da necessidade que a sociedade possui de diminuir os conflitos e aumentar a agilidade na resolução de disputas. Assim, nasceu a Mediação com o intuito de facilitar as relações entre as pessoas. Digo isso, pois quando falamos de mediação a primeira coisa que pensamos é "relação de consumo", mas ela vai além, muito além. Todas as relações que possam gerar uma "lide", podem ser resolvidas através da Mediação.

 

Ela pode auxiliar não apenas as partes envolvidas, mas também o Judiciário, que como sabemos, está sobrecarregado. Quando uma pessoa leva a questão para a justiça é porque não conseguiu uma resolução de outras maneiras. Isso por si só, dificulta a possibilidade de um acordo, pois a relação já está desgastada.

 

Especificamente falando sobre "relações de consumo", a Mediação é ótima principalmente por conta da rapidez, uma vez que ela não depende de prazos para sua conclusão e também por que não há gastos com Custas Processuais, Honorários Advocatícios e etc.

 

Vale dizer também, que não há uma parte Vencedora, como também não há uma Perdedora. As duas partes vencem e saem satisfeitas por fecharem um Acordo Amigável, e melhor ainda, a relação não estará desgastada por todo o estresse causado por um Processo Judicial.

 

Essa questão é extremamente relevante para as "Relações de Consumo", uma vez que o Cliente, por realizar esse Acordo, terá um caminho mais fácil e provável de continuar sendo Cliente.

 

Por que Mediação? Essa nomenclatura se dá porque o acordo será feito por um Mediador, figura Primordial para a resolução do conflito, profissional imparcial, consciente do seu objetivo e dos objetivos da Mediação.

 

E se comecei falando de facilidade, não temos como deixar a internet de fora. Então, que tal juntarmos o ''útil ao agradável''?

 

Simples! Imagine uma Plataforma Digital, acessível, a qualquer hora, de qualquer lugar.

 

Pois bem, atualmente temos diversas Plataformas disponíveis no mercado, facilitando e agilizando a realização de acordos.

 

Aliás, estamos cercados por Plataformas Tecnológicas, prontas para oferecerem de tudo, funcionando em velocidade máxima para Providenciar e Coordenar o Transporte que nos levará até o trabalho ou faculdade (UBER, 99Táxi, LadyDriving), para Controlar e nos manter Informado de questões de Saúde (aplicativo da Nike, ou mesmo o Saúde). Podemos ainda escolher e comprar nossa Alimentação (iFood), acertar o endereço e ainda fazer o mais rápido e mais econômico caminho (Waze), entre outras milhares de Plataformas criadas para facilitar a nossa vida.

 

Acredito que seja um caminho sem volta, que agilizará e facilitará a solução, trazendo para "dias" o que tradicionalmente, levaria "anos", o que, conforme citei acima, também melhorará as "Relações de Consumo.

 

Camila Souza, Advogada no Pires e Gonçalves Advogados.

 

Alphavile - SP

Al. Rio Negro, 161, 11°andar - cjs. 1101 e 1102

Alphaville - Barueri - SP - CEP ZIP CODE : 06454-000

Tel Phone .: (55 11) 3038-3888

São Paulo - SP

Av. Brig. Faria Lima, 1226, 5ª andar

São Paulo - SP CEP ZIP CODE : 01451-915

Tel Phone .: (55 11) 3038-3888